5 maneiras de melhorar o SEO do seu Ecommerce

 

Hoje, os consumidores digitais já estão acostumados a utilizar mecanismos de busca – como o próprio Google – para encontrar produtos e serviços entre os diversos ecommerces disponíveis para essencialmente qualquer nicho de mercado.

Pensando nisso, você pode imaginar a importância do seu site ser bem ranqueado nas pesquisas, visando aparecer na primeira página e destacando-se entre os demais, certo? É para ajudá-lo a alcançar este objetivo que vamos apresentar maneiras de melhorar o SEO do seu Ecommerce.

O que é SEO?

Primeiramente, é importante estarmos alinhados em relação à definição de Search Engine Optimization, ou otimização para mecanismos de busca, em português. O SEO é, essencialmente, um conjunto de práticas e técnicas que visam melhorar o ranqueamento de suas páginas de forma que possa gerar mais tráfego de forma orgânica, ou seja, sem depender de anúncios pagos.

Sempre que você faz uma pesquisa no Google ou em outros mecanismos, o que determina as primeiras páginas (após os anúncios) é exatamente o quão bem foi executado o SEO. Supondo que seu ecommerce venda bicicletas, por exemplo, você certamente quer que sua página de produto apareça em primeiro, atraindo o maior número de visitantes.

O SEO engloba diversos aspectos de seu site e requer um trabalho constante para acompanhar alterações das diretrizes dos mecanismos de busca e certificar-se que uma página está otimizada ao máximo possível, especialmente porque os seus concorrentes também estão tentando fazer com que as ofertas deles tenham um bom ranqueamento.

Agora que você tem uma ideia do porquê o SEO é tão importante para seu ecommerce, vamos às principais formas de aumentar seu tráfego orgânico e impulsionar o ranqueamento de suas páginas no Google.

1. Tenha um site responsivo e veloz

Um dos fatores com maior peso em relação ao ranqueamento das páginas de seu ecommerce é a estabilidade (seu site não pode ficar inacessível com frequência) e a velocidade de carregamento. Inclusive, é importante relatar que, de acordo com a pesquisa da Akamai e Gomze.com, até 40% dos visitantes abandonam páginas que demoram mais de 3 segundos para carregar.

Por isso, é importante certificar-se que o serviço de hospedagem utilizado por seu ecommerce garanta que sua página não demora a carregar. Mas claro, nem tudo está nas mãos apenas do servidor, você também deve preocupar-se em manter um design otimizado, responsivo e leve.

Fique sempre atento ao tamanho das imagens utilizadas, busque comprimi-las o máximo possível, visando manter a nitidez e diminuir o tamanho (peso) das mesmas. Além disso, evite sobrecarregar suas páginas com scripts, widgets e excesso de anúncios.

2. Desenvolva uma estratégia de marketing de conteúdo

Outro ponto considerado pelo Google quando ranqueando páginas na pesquisa é se determinado domínio está sendo alimentado com novos conteúdos regularmente. O mecanismo de pesquisa entende que uma página que não recebe novas informações não têm a mesma relevância que outros sites.

Pensando nisso, uma das melhores formas de garantir que a página de seu ecommerce se mantenha relevante é empregando uma estratégia de marketing de conteúdo. Esta, por sua vez, pode ser executada de diversas formas, utilizando diferentes canais, como por exemplo a construção de um blog, onde você poderá publicar artigos relevantes e compatíveis com a persona do seu público alvo.

Além disso, o marketing de conteúdo é uma boa forma de aumentar a visibilidade de sua marca, educar o mercado e levar informações sobre seus produtos ou serviços para os clientes, impactando naturalmente suas chances de conversão.

3. Seja inteiramente compatível com o mobile

O uso dos dispositivos móveis na hora das compras online é uma tendência que vem crescendo rapidamente nos últimos anos e, de acordo com diversas pesquisas, este aumento deve continuar em 2019.

Uma pesquisa do Mundo do Marketing mostrou que, em 2018, ecommerces de multicategorias tiveram mais de 42% de suas vendas realizadas via mobile. É por estes motivos que os mecanismos de pesquisa, especialmente o Google, utiliza a compatibilidade com mobile como um dos fatores decisivos no ranqueamento.

Todas as páginas e seções de seu ecommerce devem ser responsivas e otimizadas para acesso através de smartphones e tablets. Isso não apenas garante melhores resultados em suas ações de SEO, como também ajuda a oferecer o melhor serviço para uma enorme parcela de visitantes navegando em sua loja online através destes dispositivos.

4. Trabalhe com palavras-chave e otimize suas URLs

Entender como as palavras-chave são importantes para o ranqueamento é um dos primeiros passos para melhorar o SEO do seu Ecommerce. Estas palavras tem como função informar os mecanismos de busca exatamente sobre o quê se trata o material de sua página.

Seja para um artigo em seu blog, ou em uma página de produto, certifique-se de escolher bem a palavra-chave, através de pesquisas no Google Adwords.

O mesmo é válido para URLs, sendo necessário incluir a palavra-chave desejada no próprio link de acesso à cada página. Avalie três modelos de URL para determinada seção e identifique qual é mais otimizado para SEO:

  1. https://www.exemplo.com.br/blog/categoria1/d834d-3ashg&id=143.html
  2. https://www.exemplo.com.br/blog/vendas/d834d-3ashg&id=143.html
  3. https://www.exemplo.com.br/blog/vendas/exemplo-de-palavra-chave-do-artigo.html

Veja como no terceiro exemplo a própria URL da página discrimina a categoria e teor do artigo em seu blog, assim como inclui a palavra chave completa e não apenas um ID, código ou número abstrato e sem representatividade para os mecanismos de busca.

5. Ofereça um chat online para reter visitantes em sua página

Outro fator importante para SEO é o tempo que os visitantes passam em sua loja, assim como a taxa de rejeição (indicando que um visitante entrou em seu site mas saiu antes de continuar a navegar por outras páginas em seu domínio).

Durante a jornada do cliente, é comum que dúvidas apareçam e, sem um canal de atendimento disponível dentro da sua própria loja virtual, seus visitantes tem grandes chances de abandonar sua página para encontrar soluções e respostas em outras fontes, como nos mecanismos de busca, ou até mesmo em seus concorrentes.

Certifique-se de escolher um chat online de qualidade, que permite abordagem na loja através de convites proativos e ajude a impulsionar não apenas a qualidade do seu atendimento ao cliente, mas também a manter os visitantes na página.

Comece agora mesmo a melhorar o SEO do seu Ecommerce

É verdade que SEO é um assunto técnico, que requer bastante atenção, conhecimento e também um trabalho contínuo. Portanto, caso precise de auxílio para garantir que seu conteúdo esteja realmente otimizado para os mecanismos de busca, você pode contar com os serviços da Jumple Virtual para aumentar seu tráfego orgânico e a relevância de suas páginas.

Este artigo foi escrito pela equipe do JivoChat, uma solução de chat online omnichannel projetada para ajudá-lo a converter visitantes em clientes através de recursos como convites proativos, monitoramento de visitantes, call back, integração com ferramentas de CRM e muito mais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *